A iluminação é um fator importantíssimo na valorização do espaço, de objetos decorativos e de mobiliário. Ela tem o poder de deixar tudo mais lindo, e mostrar cada cantinho do seu ambiente, mas o contrário também se aplica: uma iluminação deficiente estraga a percepção de qualquer espaço. Sem uma boa iluminação muitas vezes acabamos desmerecendo todo o esforço dedicado nos projetos de arquitetura e de decoração.

Seja uma iluminação focada ou difusa, existe uma variedade imensa de peças no mercado: luminárias, pendentes, spots, refletores, plafons, abajures, lustres. São muitas opções, e é muito importante uma atenção especial na hora de escolher cada uma delas.

TENDÊNCIA

Na edição do Salone Del Mobile de Milão de 2017, pudemos acompanhar o lançamento de uma tendência bem forte para o setor de iluminação: o minimalismo. Luminárias, lustres e pendentes alternando entre linhas sinuosas e retas, estruturas flexíveis com formas bem finas, quase chegando a ideia de riscos de luz.

Luminária Gran Finale e arandelas Jet Deux, de Michael Anastassiades
Luminária Gran Finale e arandelas Jet Deux, de Michael Anastassiades
Luminárias Ambit, do escritório TAF Architects
Luminárias Ambit, do escritório TAF Architects
Foto e design: Foscarini
Design e foto: Foscarini
Design e foto: Nendo
Design e foto: Nendo

Particularmente gosto bastante dessa tendência do minimalismo; traz uma contemporaneidade bem interessante aos ambientes. Associada a elementos metálicos e materias marcantes pode valorizar muito a arquitetura do espaço.

PROJETO

Outro ponto muito importante é um bom planejamento e projeto luminotécnico, para prever o ponto elétrico exatamente onde deve ser executado. Esse planejamento evita erros que podem desvalorizar o ambiente. A altura dos pendentes também merece muita atenção, bem como a intensidade da lâmpada.

Uma boa iluminação é ponto chave na decor!

ALTURAS IDEAIS

Levando em consideração o tipo do pendente/lustre e o móvel que ficará próximo a ele, fizemos um “esqueminha” para auxiliar quem vai mobiliar por conta. Considere essa medida para o vão que fica entre o início do pendente e a superfície do móvel.

altura ideal pendente
Alturas ideais para pendentes e lustres

Imagens: Casa Vogue; Estadão.

Autor

Raquel Scussel Guarda, nascida em Bento Gonçalves, Serra Gaúcha, formou-se em Arquitetura e Urbanismo em 2015, na Universidade Federal do Rio Grande do Sul, em Porto Alegre - RS. Estudou arquitetura durante um ano na Università Degli Studi di Firenze, em Florença, Itália, onde aprimorou seus conhecimentos em restauro e design. Recentemente trabalhou em alguns projetos na Cidade do México, juntamente com a empresa multinacional McBains Cooper.

Escrever um Comentário