A resina epóxi – o famoso porcelanato líquido – está em alta e são muitas as pessoas que estão optando por esse tipo de revestimento para compor os espaços internos e decorar suas residências. Junto com essa grande popularização do piso de resina epóxi surgem muitas dúvidas sendo que a principal delas diz respeito a diferença entre o revestimento epóxi e a tinta epóxi. É importante saber distinguir os dois produtos e técnicas para evitar o inconveniente de contratar um serviço para a aplicação da tinta epóxi esperando ter os mesmos benefícios que o revestimento epóxi, por isso, pedimos ao Habitissimo para elencar as principais diferenças.

 

A QUE SE DEVE A CONFUSÃO?

A confusão acontece a princípio devido ao nome, aplicação e aparência considerando que ambos materiais tem a resina epóxi como componente e são utilizados para revestir o piso. A primeira vista a tinta epóxi confere beleza estética e um brilho bonito ao piso onde é aplicada ou seja, um acabamento facilmente confundido com o do revestimento epóxi ainda que, analisado mais a fundo, os materiais e a técnica de aplicação apresentem grandes diferenças no que diz respeito a estética e benefícios. Para deixar claro quais são as atribuições e resultado final de cada produto é importante entender em que consiste cada um deles.

 

A TINTA EPÓXI

Tinta epóxi

A tinta epóxi é um tipo de pintura que apresenta alta qualidade e espessura em comparação aos outros tipos de tinta. Seu uso não está restrito somente ao piso podendo ser utilizada em paredes e outros tipos de superfícies. É um tipo de tinta de aplicação simples e prática, seu tempo de cura é muito rápido e sua utilização no piso proporciona alta resistência suportando um tráfico intenso e variações de temperatura. Outras atribuições da tinta epóxi é a impermeabilidade, um acabamento liso, brilho intenso (existem outros tipos de acabamentos) e facilidade de limpeza e manutenção da superfície.

Puff blue quadrado
Puff Blue quadrado | Estrutura pintada com tinta epóxi

Cadeira Steel
Cadeira Steel | Estrutura em aço com pintura epóxi

 

O REVESTIMENTO EPÓXI

Revestimento epóxi

O revestimento epóxi é o resultado da mistura de um plástico termofixo que ao receber a adição de um agente catalizador ou endurecedor – a resina epóxi – se auto nivela sobre o piso e enrijece. O tempo de cura do revestimento epóxi é mais demorado e sua aplicação resulta em uma superfície completamente nivelada, lisa, brilhante (existem outros tipos de acabamentos), sem rejuntes, impermeável, altamente resistente, de fácil limpeza e manutenção. Sua aplicação poder ser realizada sobre outros tipos de revestimentos e esta restrita somente aos pisos não sendo apta para paredes. É um material que pode ser utilizado em todos os ambientes internos da casa, ate mesmo em áreas molhadas como o banheiro.

 

ONDE ESTÁ A DIFERENÇA?

TINTA EPÓXI X REVESTIMENTO EPÓXI

A principal diferença entre a tinta epóxi e o revestimento epóxi esta na composição e espessura dos materiais. Apesar de ambos produtos serem a base de resina epóxi a pintura apresenta uma espessura muito mais fina e a aplicação de duas ou três demãos do material irá atingir a espessura máxima de 0,3 mm. Essa cobertura leve fornece um bom acabamento mas não é capaz de nivelar o piso e cobrir as imperfeições fazendo com que qualquer relevo ou depressão continue aparente sob a camada de pintura. Já o revestimento epóxi é aplicado através de camadas – pimer, selador, capa de regularização, produto, acabamento – e sua espessura pode chegar a alcançar até 5 mm, nivelando o piso, corrigindo defeitos e ondulações e conferindo ao ambiente uma superfície totalmente lisa e nivelada. E outro detalhe que também marca uma grande diferença entre os dois materiais é o preço, tanto do produto quanto da aplicação, sendo o revestimento epóxi muito mais caro do que a pintura epóxi.

QUANDO UTILIZAR A TINTA EPÓXI?

Tinta epóxi

Para decidir qual dos dois materiais utilizar é importante fazer uma análise do piso e do resultado que se espera. A pintura epóxi é uma tinta propriamente dito e ira conferir ao piso uma boa cobertura, não sendo obrigatoriamente necessário nivelar o piso antes da aplicação, como os rejuntes do revestimento cerâmico por exemplo. Claro que, com esse recurso é importante ter em conta que as imperfeições, relevos e sulcos da superfície ficarão aparentes – e ainda mais evidentes se a tinta utilizada tiver um acabamento brilhante. A tinta epóxi se apresenta como uma ótima alternativa, barata e simples, para pintar azulejos e pisos cerâmicos do banheiro e cozinha, devido a sua resistência a umidade, e também assoalhos de madeira assim como podemos ver no exemplo acima.

 

QUANDO UTILIZAR O REVESTIMENTO EPÓXI?

Revestimento epóxi

O revestimento epóxi irá criar uma nova aparência e cobertura sobre o piso, elevando seu volume em até 5 mm, e dessa forma nivelando o piso. Ele pode ser aplicado sobre vários tipos de revestimentos já existentes mas requer uma preparação prévia da superfície que deve ser nivelada, ou seja eliminando rejuntes ou imperfeições muito severas. Ao optar pelo revestimento epóxi tenha em conta que você estará aplicando um novo piso no ambiente e não uma simples pintura por isso o processo de preparação e aplicação do produto é muito mais primoroso tanto em questão de mão de obra quanto tempo de secagem e cura do produto que é de 2 dias para a secagem e 7 dia para receber o peso dos móveis.

 

Imagens: superlimaoabouthouse; casavogue; casadevalentina; casa.abril.

Escrever um Comentário